Após debates sobre manejo de nematoides, 34ª edição do Congresso Brasileiro de Nematologia termina e propõe soluções

No evento, Adama apresentou aos participantes o novo nematicida da empresa, que deve ser lançado este ano

Londrina, 07 de julho de 2017 – Durante a última semana, especialistas em pragas agrícolas se reuniram na 34ª edição do Congresso Brasileiro de Nematologia para buscar soluções para os nematoides, problema que pode até devastar toda uma plantação. Cerca de 300 participantes participaram do evento onde foram abordadas as técnicas de manejo, os danos causados pela praga e o impacto na agricultura e na economia do Brasil. O congresso, que aconteceu em Vitória (ES), contou com palestras de pesquisadores de diversas culturas, minicursos, mesas redondas e apresentação de cases.

Em sua palestra, a Adama apresentou os resultados na cana-de-açúcar de seu novo nematicida que está em processo de registro. “ Os nematoides afetam diretamente a produtividade das lavouras e, consequentemente, a rentabilidade dos agricultores. Por ter ação específica para combater os nematoides, a nova solução apresentou excelentes resultados nos ensaios pré-lançamento e aumento considerável na produtividade das lavouras”, explica João Giraldi, gerente de Marketing de Produtos da Adama.

Ainda de acordo com o gerente, o Congresso Brasileiro de Nematologia tem papel fundamental no debate e disseminação do conhecimento sobre a praga.

“O congresso proporcionou ao público um excelente espaço para o compartilhamento do conhecimento sobre a praga por meio de debates, apresentação de cases, minicursos e mesas-redondas”, diz João Giraldi.

O Congresso foi realizado pela Sociedade Brasileira de Nematologia (SBN), organizado pela Superintendência Federal de Agricultura do Espírito Santo (SFA-ES/MAPA), Embrapa Mandioca e Fruticultura, Universidade Federal do Espírito Santo (UFES) e Instituto Federal do Espírito Santo (IFES), e contou com o patrocínio da Adama.